PIS 2019 – Como Consultar para Adquirir o Benefício?

Muitos trabalhadores já contam os dias para poderem sacar o PIS 2019. Um dos benefícios sociais oferecidos para aqueles que trabalham de carteira assinada, vale conhecer todos os detalhes para agilizar a retirada. Confira aqui.

O Programa Integração Social (PIS) há muito está no calendário de brasileiros que estão fichados em empresas privadas. É um fundo alimentado pelo governo federal, criado na década de 70.

Incialmente o saque do PIS só acontecia quando o trabalhador se aposentava. Porém, desde 1988 a legislação mudou, e permite que anualmente um grupo de trabalhadores possa retirar valores desse reserva.

A partir de um calendário previamente definido pelo Ministério do Trabalho e Caixa Econômica Federal, milhões de brasileiros recebem esse benefício. Vamos entender um pouco mais sobre esse direito do trabalhador brasileiro.

PIS 2019

Quem pode solicitar o benefício?

O PIS 2019 atende como sempre os trabalhadores da iniciativa privada. Servidores públicos recebem o abono salarial de outro fundo, o PASEP (Programa de Formação do Patrimônio Servidor Público).

Porém, não é todo trabalhador de empresa privada que terá direito ao PIS, ele precisará atender os seguintes requisitos:

  • É necessário estar matriculado no programa
  • O registro precisa ter o tempo mínimo de 5 anos
  • Apenas trabalhadores que receberam valores de até 2 salários mínimos
  • Ter trabalhado em 2018 pelo menos 30 dias de carteira assinada
  • O profissional precisará ser informado na RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) da empresa na qual trabalhou em 2018

Atendendo a esses requisitos o trabalhador estará apto a receber o Abono Salarial em 2019.

Como consultar o PIS 2019

Existem vários canais disponibilizados pela Caixa para que o trabalhador possa consultar seu saldo para saque do PIS 2019. Desde o teleatendimento até app para celular. Confira:

  • App Celular – quem prefere a praticidade do smartphone, pode baixar esse aplicativo. Disponível para IOS e Android, o Caixa Trabalhador é o app que poderá consultar o saldo do PIS 2019, como também as parcelas do seguro-desemprego e de outros benefícios sociais.
  • Teleatendimento Caixa – ligando no número 0800 726 0207, poderá tirar todas as dúvidas sobre o abono 2019, e conhecer outros detalhes do programa.
  • Auto-atendimento caixa eletrônico – quem tem o cartão do cidadão, pode consultar o saldo do PIS diretamente no caixa eletrônico, e se tiver disponível já pode sacar.
  • Web – a consulta também pode ser feita no portal da Caixa, na opção Serviços Sociais. nesse campo, além do PIS, pode acompanhar todo extrato do FGTS.

Em todas as opções será importante ter o cartão do cidadão, e senha. Com esses poderá criar a senha de acesso que servirá para internet e aplicativo de celular.

Como conferir a programação de pagamento

O calendário de pagamento será exposto nos quadros de aviso de agências bancárias da Caixa, e lotéricas. A programação hoje disponível é das pessoas que vão sacar as cotas do PIS liberadas em 2018. As datas são:

Mês de nacimento Começam a receber a partir de Data limite para receber
Julho 26/07/2018 28/06/2019
Agosto 16/08/2018 28/06/2019
Setembro 13/09/2018 28/06/2019
Outubro 18/10/2018 28/06/2019
Novembro 20/11/2018 28/06/2019
Dezembro 13/12/2018 28/06/2019
Janeiro 17/01/2019 28/06/2019
Fevereiro 17/01/2019 28/06/2019
Março 21/02/2019 28/06/2019
Abril 21/02/2019 28/06/2019
Maio 14/03/2019 28/06/2019
Junho 14/03/2019 28/06/2019

É ficar de olhos nas datas e se programar. Mas, o que é necessário para fazer o saque, e onde retirar o saldo do PIS? Veja a seguir.

Onde realizar o saque do PIS 2019

Para sacar o PIS 2019 o trabalhador terá algumas opções:

  • Lotéricas – precisará apresentar documento com foto, e informar o número do NIS/PIS
  • Agências da Caixa Econômica – apresentar o a mesma documentação acima.
  • Caixa Eletrônico – de posse do cartão do cidadão poderá sacar diretamente no caixa eletrônico.

É possível que parentes de pessoas falecidas possam sacar o valor que está disponível do PIS. Porém é preciso apresentar a seguinte documentação numa agência da Caixa:

  • Documento oficial com foto (pessoa falecida)
  • Certidão ou declaração do INSS informado que o requerente tem direito à pensão de morte
  • Atestado o alvará judicial designado o requerente como sucesso legal
  • Escritura Inventário mencionando a partilha
  • Comprovante da inscrição no PIS (importante para localizar o registro do falecido)
  • Documento oficial do requerente

Acompanhe o calendário, e junte toda documentação. Nas datas programadas ao seu mês de nascimento, siga para sacar o PIS 2019. Certamente será um dinheiro muito bem-vindo para seu orçamento.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply